Artigos, LinuxArtigo > Instalação VirtualBox no Fedora 14 e 15

Artigo > Instalação VirtualBox no Fedora 14 e 15

Virtual Box - Blog Porta 80

O VirtualBox é um virtualizador multi plataforma. Nele podemos executar máquinas virtuais, ou VDI.

Há versões do VirtualBox para Windows, Linux, Mac e OpenSolaris. A Sun, recentemente adquirida pela Oracle, é a empresa por trás do Virtualbox.

A popularidade do VirtualBox está em alta e cresce a cada dia. Isso por ser muito eficiente e gratuito.

Neste artigo abordarei sua instalação na distribuição Fedora 14.

O primeiro passo é atualizar o Kernel Default do Fedora. Utilize o comando a seguir:

yum update kernel*

Feito isso, reboot o sistema e suba pelo seu novo kernel.

O passo seguinte é obter o RPM do VirtualBox. Para isso, acesse o site http://www.virtualbox.org/wiki/Linux_Downloads e faça download do pacote compatível com a versão.

Enquanto baixamos o RPM, façamos a instalação das dependências.

O VirtualBox requer as seguintes libs:

  • libQtCore.so.4
  • libQtGui.so.4
  • libQtNetwork.so.4
  • libQtOpenGL.so.4
  • libSDL-1.2.so.0
  • Vamos instalá-las com o comando abaixo:

    yum install libQtCore.so.4 libQtGui.so.4 libQtNetwork.so.4 libQtOpenGL.so.4 libSDL-1.2.so.0

    Agora vamos instalar os seguintes pacotes:

  • dkms
  • gcc
  • kernel-devel
  • kernel-headers
  • Usaremos o comando abaixo:

    yum install dkms gcc kernel-devel kernel-headers

    Já terminou o download do RPM? Bom, se a respota for sim, vamos concluir a instalação com o comando abaixo:

    rpm -ivh pacote.rpm

    No meu caso, executei o comando abaixo:

    rpm -ivh VirtualBox-4.0-4.0.0_69151_fedora14-1.i686.rpm

    Neste ponto, o RPM deverá realizar toda a configuração necessária, inclindo a criação do grupo vboxusers e configuração do seu usuário (usuário usado para logar no Fedora) ao grupo em questão. Caso não o faça, rode o comando abaixo:

    usermod -a -G vboxusers seu_usuario

    A criação de VDI (máquinas virtuais) é um processo intuitivo e segue um padrão para qualquer plataforma onde o VirtualBox é executado, mas se houver dúvidas, a envie via comment neste post.

    Isso é tudo. Abraços.

    Categories: Artigos, Linux Tags: , , ,

    Comments

    1. Noturno

      2011/01/12 16:57

      Aew blz? Segui o tutorial mas continua a mesma coisa ! http://img39.imageshack.us/img39/3098/capturadetelajt.png Até fiz manual a parte do usuario mas da na mesma !
    2. @wili4m - admin

      2011/01/13 20:42

      O erro aí está com cara de dependência não atendida. Dá uma olhada nesse log: /var/log/vbox-install.log Ele vai lhe dizer o que acontece de errado. Se puder, posta o erro do log aqui. []s
    3. @wili4m - admin

      2011/02/04 20:11

      Noturno, tive que reinstalar o Fedora 14 no escritório. Me deparei com um erro. O passo-a-passo está correto. O problema é que o Kernel default do Fedora 14 não é compatível com o VirtualBox. Basta atualizá-lo. Para isso, rode o comando abaixo: yum update kernel* Reinicie o sistema operacional e rode este outro comando: /etc/init.d/vboxsrv setup.
    4. 2011/02/22 17:09

      Como faço para atualizar uma instalação ja rodando com versao 3.2 para 4.0 no fedora.? sem perder minha conf. de maquina virtual rodando agora...?
    5. @wili4m - admin

      2011/02/22 21:38

      Jonathan, Quando você inicia o VirtualBox, provavelmente deve receber um alerta de update disponível, como destaco nesta imagem: http://www.blogporta80.com.br/conteudo/2011/02/22/vbox_update.png Clicando no link, o Gerenciador de Pacotes do GNOME/KDE baixará o pacote, resolver suas dependências e, por fim, o instalar. Sugiro que siga esta linha. Assim não deve ocorrer erro. Em todo caso, ocorrendo erro no update, faça backup das suas Machines e instale do zero seguindo o how-to deste post. Abraços!
    6. Joilson Amorim

      2011/05/21 18:00

      Olá... A minha instalação estava dando erro...e depois de seguir esses passos funcionou... parabéns pelo post.

    Post a comment

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.