Artigo > Instalando iTunes no Linux

O iTunes, para mim, é um daqueles softwares indispensáveis que devemos sempre ter em nossos HDs, pois não se trata apenas de um player de audio, mas de um excelente gerenciador de biblioteca de áudio e vídeo, além, claro, da excelente qualidade de áudio e da já reconhecida usabilidade dos produtos Apple.

Infelizmente, assim como tantos outros softwares populares, ele não está disponível para Linux. Contudo, por meio do WINE, podemos fazê-lo funcionar perfeitamente (eu repito, perfeitamente) no Linux.

Há uma observação importante: Para que funcione perfeitamente, como mencionei anteriormente, é preciso utilizarmos uma versão específica do iTunes, como veremos a seguir.

Instalando o Wine

Primeiro, instale o Wine:

Distro Debian ou Debian-like

apt-get update && apt-get install wine

Distro Fedora ou Redhat-like

yum install wine || dnf install wine

Observações:

1 – Momento cultura: O WINE não é um emulador, daí o nome WINE (Wine Is Not Emulator);

2 – Momento inconformismo: Como podemos ver na imagem abaixo, o WINE requer muitas dependências. Como pode, né?

Baixando e instando o iTunes

Agora é preciso baixar o iTunes na versão 7. Você pode obtê-lo através do link http://filehippo.com/download_itunes_32/1774/ e instalá-lo no melhor estilo NNF (Next, Next e Finish).

Detalhe: Para que o WINE trabalhe corretamente com o iTunes, recomendo rebootar o sistema operacional após instalar o iTunes.

Abraços!

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.