Artigo > Gravando um ISO em Pen Drive via Command Line

Gravando um ISO em Pen Drive via Command Line

Para toda situação de emergência ou apenas para reinstalação do sistema, por vezes precisamos de um Linux bootável via pen drive. Veremos como é simples gravar uma imagem Linux em um pen drive via linha de comando.

Bom, o primeiro passo para gravar a imagem é obter a imagem (errr). Portanto, a obtenha. Também é um requisito estar em um desktop/servidor Linux, por isso que é “via Command Line”. Outro requisito é o pen drive, mas isso eu nem precisava mencionar, né?!

Já obteve a imagem? Ok! Próximo passo; abra o terminal e logue com root. Parto do princípio que você sabe fazer isso. Então faça!

Observação importante: Esse processo sobrescreverá todo conteúdo do pen drive. Alerte-se para isso.

O processo é simples. Vejamos:

Passo 1

Primeiramente, com o pen drive já conectado ao computador, certifique-se de que ele não esteja montado. Se estiver, o desmonte (é pra rodar unmount, não é pra quebrar o pen drive, ok?).

Passo 2

2 – Execute um simples “cp” como no exemplo abaixo:

cp arquivo.iso /dev/disco

Note que o destino da cópia não é a partição (ex: sdb1), é o dispositivo (ex: sdb). Você deve substituir “arquivo.iso” pelo nome do seu arquivo e /dev/disco pela unidade que corresponde ao seu pen drive. Na maioria dos casos será o /dev/sdb, mas verifique isso antes de prosseguir.

No meu caso ficou assim:

cp debian-live-8.5.0-amd64-cinnamon-desktop+nonfree.iso /dev/sdb

Passo 3

3 – Execute o comando sync sem parâmetros.

sync

Aqui a gente mata a cobra e mostra o p@µ:

Gravando um ISO em Pen Drive via Command Line

Nessa altura você já possuirá um Linux bootável via pen drive.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.